Diferença entre CNH Cassada e Suspensa

Diferença entre CNH Cassada e Suspensa. Você sabe a diferença entre um Carteira Nacional de Habilitação cassada e suspensa? Afinal, o que é ter uma Carteira de motorista suspensa? CNH Cassada. Mas o que significa tudo isso. Bom, a primeira questão que deve ser levantada é essa: Existe sim diferença entre uma Cassação e Suspensão. Uma CNH suspensa ainda não é uma Carteira de Motorista Cassada como passo a explicar a partir de agora.

Suspensão CNH

O primeiro que deve ocorrer com motoristas que atingem os 20 Pontos em sua CNH a “Suspensão do Direito de Dirigir”. Calma, ainda nem tudo esta perdido. Sobre qualquer pretexto, a penalidade de suspensão do direito de dirigir sempre será ministrada quando o condutor atingir 20 pontos. Tais infrações de trânsito resultam inapelavelmente nesse processo. Você poderá ser penitenciado pelo prazo mínimo de um mês até o máximo de um ano. Nesse inteirem seu comportamento no transito deve ser ilibado. Qualquer reincidência entre seis meses até o máximo de dois anos, você perderá o direito de dirigir.

 

Diferença entre CNH Cassada e Suspensa
Diferença entre CNH Cassada e Suspensa

É claro que nesse prazo a Carteira Nacional de Habilitação terá que ser recolhida pela Unidade do Detran de seu Estado. Mas evidentemente devolvida ao titular imediatamente após cumprida a penalidade e o curso de reciclagem. Algumas infrações podem resultar nesse dilema mesmo sem atingir os 20 Pontos na CNH, como pode ser visto no seguinte endereço eletrônico www.detran.pr.gov.br.

Cassação CNH

Já a “Cassação da CNH” – e vale também para os casos de “Permissão para Dirigir” é quando uma vez suspenso o direito de dirigir, o infrator conduzir qualquer veículo em legalidade. Outro fator é no caso de haver reincidência dentro do prazo carente de doze meses. Isso esta no dispositivo do inciso III do art. 162 (Dirigir com Carteira Nacional de Habilitação ou Permissão para Dirigir de categoria diferente da do veículo que esteja conduzindo. Outros fatores são os listados abaixo e corroborados pelos arts. 163, 164, 165, 173, 174 e 175:

  • Dirigir sob a influência de álcool, em nível superior a seis decigramas por litro de sangue, ou de qualquer substância entorpecente ou que determine dependência física ou psíquica;
  • Disputar corrida por espírito de emulação;
  • Utilizar-se de veículo para, em via pública, demonstrar ou exibir manobra perigosa, arrancada brusca, derrapagem ou frenagem com deslizamento ou arrastamento de pneus;
  • Quando condenado judicialmente por delito de trânsito.

Esse processo é bem mais punitivo e só pode ser revertido depois de decorridos dois anos da cassação da Carteira Nacional de Habilitação. Sendo assim que o infrator poderá requerer sua reabilitação. Mas todo o processo deve ser readmitido, no fim de submeter-se a todos os exames necessários à habilitação.

Diferença entre CNH Cassada e Suspensa

A diferença básica pode ser vista por esse ponto. Isso porque o Código de Trânsito Brasileiro dá o direito de defesa ao condutor que tenha recebido a penalidade de suspensão do direito de dirigir ou de cassação da CNH. A defesa deve ser apresentada à Autoridade de Trânsito no prazo estabelecido na Notificação da Imposição da Penalidade. Isso deve ser feito antes dos 30 dias da notificação. Sua defesa será submetida à Junta Administrativa de Recursos de Infrações – JARI, para julgamento. Caso perca o processo, é necessário entregar a CNH e a PID se você tiver, em uma unidade do DETRAN ou em um Centro Formação de Condutores.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *